18/01/2019

Como untar as assadeiras ou formas de bolo?


A pergunta é? Como untar as assadeiras ou formas de bolo? Inteira? Só o fundo? Colocar Papel? Usar Desmoldante? Passar a manteiga com a mão ou com pincel? Qual a melhor maneira de fazer isso?

Sabe quando você vai fazer aquele bolo da vovó nas assadeiras que o bolo fica com buraco no meio? E o Bolo solta, mas o fundo do bolo fica grudado na assadeira? Então!!! O ideal é untar a assadeira com bastante manteiga ou qualquer tipo de gordura pastosa. Além disso eu pego uma quantidade generosa e passo com a mão. Isto porque papel ou pincel deixam uma camada muito fina, e isto pode fazer o seu bolo grudar principalmente no fundo da assadeira. Depois de untar eu polvilho farinha, fubá, cacau em pó, enfim qualquer ingrediente seco que não tenha açúcar.

Usar pincel é muito prático, assim como muitas vezes usamos também o guardanapo de papel. Só que com pincel ou papel untamos com menos quantidade de gordura. Por isso é mais indicado para algumas preparações com massas mais sequinhas, tipo tortinhas de maçã, biscoitos, cookies, panquecas e bolos amanteigados.

Outra opção maravilhosa é colocar papel manteiga no fundo da assadeira. Você pode cortar no tamanho da assadeira ou pode já comprar cortado. Serve papel toalha também. Da mesma maneira você pode untar só o fundo da assadeira com gordura e o ingrediente seco da sua escolha. Deste jeito o Bolo vai ficar grudado nas laterais da assadeira, o que é ótimo, pois ele não encolhe. Depois que esfriar um pouco passe uma faquinha nas laterais e desenforme.

Além disso temos os Desmoldantes a base de óleos vegetais. São ótimos pela praticidade, rapidez e também pela facilidade de untar formas pequenas, como por exemplo de Pão de Mel que dariam muito mais trabalho untando uma a uma. E você? Tem alguma outra forma de fazer isso?

Super dica da Isamara Amâncio

05/01/2019

Torta de Abacaxi com massa quadriculada


Folheando uns papéis e cadernos da minha mãe encontrei essa receita muito antiga, que eu até tinha esquecido o quanto eu adorava essa torta quando era criança. E como minha mãe fazia sempre, o pessoal da casa foi ficando enjoado, achando mais graça nas receitas novas da época e essa torta foi deixada de lado.

É com alegria que compartilho essa torta muito simples de fazer e tenho certeza que assim como eu, vocês vão adorar: tem cheiro de casa de vó, gosto de domingo com a mesa cheia de gente... Então vamos começar:

Receita do Doce de Abacaxi:

Comece fazendo o doce com 1 abacaxi maduro picado (aproveite o suco dele também) com 1 xícara de açúcar. Coloque em uma panela e deixe ferver por uns 5 minutos e desligue o fogo. Se o abacaxi estiver com pouco caldo, pode colocar 1/2 xícara de água na panela.


Recheio de Creme:
1 lata de leite condensado
a mesma medida de leite integral
2 gemas
1 colher de chá/cheia de Maizena

Em uma panela, coloque o leite condensado e a metade do leite de vaca.|Explico o por quê, essa é uma dica boa: com a outra metade da lata de leite integral, coloque a Maizena e as gemas, mexa bem, despeje na panela com uma peneirinha para o creme ficar bem fininho! Se não fizer assim, pode empelotar e não fica bonito, né?



Massa: ( guarde um pouco para fazer as tirinhas da cobertura)

  • A receita original pede "27 1/2 colheres de sopa rasas de farinha de trigo". Se não tiver paciência de contar, pode substituir essa medida por 3 xícaras de 200 ml.
  • 6 1/2 colheres de manteiga em temperatura ambiente
  • 4 colheres de açúcar refinado
  • 1 colher de chá/cheia de Pó Royal
  • 1 ovo + 1 gema
      Amassar todos os ingredientes sem sovar muito. Se sentir que a massa está um pouco seca é só pingar água aos poucos até ficar no jeito de abrir. Deixe descansar por 30 minutos, embrulhada em filme plástico.


Abra a massa numa travessa até as bordas. Coloque o creme já frio e por cima o doce de abacaxi, escorrendo com uma espumadeira um pouco do caldo e colocando mais os pedaços de abacaxi. Com o pedaço de massa que estava reservado, abra e corte tirinhas para colocar por cima, formando quadrados e pincele com gemas. Para enfeitar, coloque 1 uva passa escura em cada quadradinho e assar em forno quente por uns 25 minutos.



UMA DICA:

Se você quer fazer esta torta e está sem tempo, uma opção é adiantar a receita fazendo com massa folhada pronta, dessas que a gente compra nos supermercados. Também fica gostoso...  E não esqueça de pincelar gema nas tirinhas da cobertura, senão vão ficar branquelas!


24/11/2018

Frango Frito Super Crocante


Quem não  gosta de um franguinho bem torradinho, bem temperado e muito gostoso? Aprenda a fazer esse delicioso frango frito crocante, seus amigos e familiares vão adorar!

Primeiramente, 1 kg de frango cortado à passarinho, ou pedaços de peito, coxa, sobrecoxa (como preferir). Lave e limpe bem os pedaços de frango. Pode ser com ou sem pele, fica à gosto. Reservar. 


Salmoura (para deixar o frango macio e temperado): 

Misturar 1/2 copo de iogurte sem sabor a 1/2 de leite integral, deixe descansar por 10 minutos e reserve.

À parte, em uma vasilha plástica redonda e com tampa, coloque:
4 colheres (sopa) de sal (não é muito, é para ficar de molho e depois será descartado)
1 colher (chá) de açúcar mascavo 
ervas frescas e alho picado à gosto
pimenta moída 
4 xícaras de água morna
a mistura de iogurte e leite

Misture bem e coloque os pedaços de frango nessa solução, virando por todos os lados. Cubra e leve à geladeira durante algumas horas, no máximo de um dia para o outro. Depois de descansar, retire o frango da geladeira e passe nessa cobertura.


Cobertura:

2 xícaras de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
Pimenta do reino e páprica à gosto
alho e cebola em pó
1 xícara de farinha de rosca ou Panko (farinha japonesa mais grossa)

Passe os pedaços de frango nessa mistura, chacoalhe para retirar o excesso. Use uma tigela grande, passando os dois lados das peças sobre a farinha temperada. Tampe e leve à geladeira por 8 horas ou de um dia para o outro.



Como fritar: 

Você pode fritar o frango por imersão,  a gordura tem que ficar a uma altura que cubra pelo menos a metade dos pedaços para garantir que frite bem dos dois lados. De qualquer maneira, use pinças para virá-los algumas vezes durante o processo. Não encha muito a frigideira. É preciso que o óleo cerque cada peça, mas não tanto a ponto de espirrar para todo lado e fazer uma bagunça. 


O importante é: o óleo não pode permanecer muito quente demais o tempo todo para não queimar o exterior do frango antes de cozinhar a carne, nem muito frio para deixar o frango encharcado. Então, sempre se certifique o óleo antes de adicionar uma nova leva de pedaços de frango. Se corar muito rápido, abaixe o fogo. Se está demorando muito para fritar, aumente o fogo. É um teste de paciência que vai te dar experiência...

A panela

Você vai precisar de uma frigideira larga e pesada com tampa. A de ferro fundido é a melhor porque gera e retém o calor de maneira uniforme. Ela deve ter de 28 a 30 cm de diâmetro e ser funda o bastante para deixar um espaço de pelo menos uns 2,5 cm acima da superfície, mesmo depois de cheia, para evitar que o óleo espirre.

A gordura

Alguns usam banha; outros, óleo ou uma combinação dos dois. O importante é usar um que tenha ponto de fumaça alto, ou seja, que pode ser aquecido a altas temperaturas sem queimar. Prefira o óleo de amendoim, canola ou soja.

Depois de tirar o frango da frigideira, deixe descansar um pouco antes de servir. Muita gente coloca sobre um saco ou toalha de papel, mas isso pode deixar a pele encharcada. Uma boa técnica é pôr os pedaços de frango em uma grade disposta sobre uma assadeira e polvilhar com um tiquinho de sal para destacar o sabor.

Uma boa dica é: depois de morno, coloque numa assadeira e leve ao forno a 180 graus por 10 a 15 minutos. Vai ficar mais sequinho e macio. Sirva com um molho de sua preferência.

20/11/2018

Cebolinhas recheadas e empanadas



Os petiscos do happy hour jamais serão os mesmos depois dessa receita espetacular de cebolinhas recheadas e empanadas! Fonte

INGREDIENTES
10 cebolinhas mini descascadas
400g de carne moída
1 colher de chá de alho em pó
1 colher de chá de páprica picante
1 colher de chá de tomilho fresco
1 colher de chá de alecrim fresco
Sal
1 ovo + 3 ovos batidos para empanar
1 colher de sopa de farinha de pão + 1½ xícara
½ xícara de queijo muçarela ralada
1½ xícara de farinha de trigo


INSTRUÇÕES
Cortar as cebolinhas ao meio, retirar as camadas externas com cuidado para que não quebre. Picar o restante da cebolinha e reservar. Em uma tigela, dispor a cebola picada, a carne, o alho, a páprica, o tomilho, o alecrim, o sal, o ovo, a farinha de pão e misturar bem. Fazer bolinhas, rechear com queijo e rechear as cebolas, passar no ovo batido, na farinha de trigo, novamente no ovo e, por fim, na farinha de pão. Fritar no óleo quente, escorrer bem e levar ao forno preaquecido a 180 graus por, aproximadamente, 20 minutos para finalizar o cozimento.

13/11/2018

Bolo Prestígio que já sai recheado do forno!


Uma receita criativa e rápida, que vai encantar todo mundo!

Para a massa do bolo:
Ingredientes

3 ovos
1 1/2 copo de açúcar
1/2 copo de óleo
2 copos de farinha de trigo
200 ml de leite
4 colher (sopa) de chocolate em pó
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de fazer:

Bater na batedeira os ovos, depois o açúcar, o óleo e o chocolate em pó, até formar um creme.
Acrescentar o leite e a farinha, aos poucos, e bater bem. Por último acrescentar o fermento.
Preaqueça o forno à 180 graus.
Coloque 1/2 da massa em uma assadeira de furo no meio untada.
Coloque as colheradas do beijinho. Cubra com o restante da massa de bolo.
Leve ao forno até que esteja assado, faça o teste do palito, mas se lembre que o beijinho poderá sujar o palito. Cubra com o brigadeiro, decore com chocolate granulado.

Para o beijinho
1/2 xícara de coco de ralado
1 lata de leite condensado
1 colher de manteiga
Em uma vasilha grande que possa ir ao microondas (plástico ou vidro) coloque os ingredientes, leve ao microondas por 4 minutos, se necessário coloque por 1 minuto, até que fique no ponto de beijinho.


Cobertura
1 lata de leite condensado
3 colheres (sopa) de chocolate em pó
1 colher (sopa) de margarina
1/2 lata de creme de leite sem soro

Misture o leite condensado, o chocolate e a margarina, deixe cozinhar até soltar do fundo da panela
Desligue o fogo e acrescente meia lata de creme de leite, misture bem e cubra o bolo.

    Receita adaptada de Fabby Mello

08/11/2018

Bolo Ouro Branco


Esse bolo de bombom Ouro Branco é delicioso! É ao mesmo tempo macio, crocante e cremoso. Experimente!

Ingredientes para o recheio:
2 latas de leite condensado
500 ml de leite
70 gramas de amido de milho (6 colheres de sopa cheias)
2 colheres (chá) de extrato de baunilha ou uma fava
4 gemas
1 caixinha de creme de leite 200 gramas
100 gramas de chocolate meio amargo 50% cacau (ou se preferir, ao leite)
12 bombons ouro branco picados


Modo de preparo do recheio:
Em uma panela grande coloque o leite condensado, o leite, as gemas sem a pele, a baunilha, o amido de milho dissolvido em meia xícara de água e misture tudo.
Leve para cozinhar em fogo baixo/médio, mexendo sempre, até começar a fazer bolhas de fervura, cozinhe por mais dois minutos em fogo baixo e desligue o fogo.
Adicione o creme de leite e misture bem.
Separe 1/3 desse creme (aproximadamente 400 gramas) em uma tigela, adicione o chocolate meio amargo picado e misture até derreter. Cubra com plástico para não criar crosta.
Coloque os 2/3 do creme (sem o chocolate) em uma tigela e cubra com plástico filme também.
Reserve os cremes na geladeira para esfriar.

Ingredientes para a massa:
6 ovos
1 xícara (chá) de água fria
1 e 1/2 xícara (chá) de açúcar cristal
2 colheres (chá) de extrato de baunilha
1/2 xícara (chá) de óleo
2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de chocolate de cacau em pó
1 pitada de sal
2 colheres (chá) de fermento químico em pó
1/2 colher (chá) de bicarbonato de sódio

Ingredientes para a cobertura:
200 gramas de nata para bater chantilly (ou chantily pronto)
150 g de leite condensado
300 gramas de chocolate branco em raspas ou confeitos para decorar
5 bombons para decorar

Modo de preparo da massa:
Unte 2 assadeiras de 20 cm de diâmetro e forre o fundo com um disco papel manteiga. Se você for transportar seu bolo, sugiro que asse a massa em 2 formas maiores, assim não ficará tão alto.
Preaqueça o forno a 180 graus.
Bata as claras em neve e reserve em outra tigela.
Em seguida bata as gemas com a água, o açúcar e a baunilha até dobrar de volume.
Adicione o óleo e bata mais um pouco para misturar.
Diminua a velocidade da batedeira e adicione a farinha de trigo peneirada com o chocolate em pó e a pitada de sal, colher por colher. Quando adicionar a ultima colher, raspe as laterais da tigela e bata mais um pouco, apenas para misturar.
Retire a tigela da batedeira, adicione o fermento, o bicarbonato de sódio, as claras em neve e mexa com um fouet de baixo para cima, delicadamente, para misturar.
Distribua a massa nas duas assadeiras untadas e leve para assar por aproximadamente 50 minutos. Faça o teste do palito para saber se o seu bolo está bem assado.
Desenforme as massas quando estiverem mornas.

Montagem do bolo:
Nivele as duas massas, retirando o topo mais alto e corte cada uma ao meio, lembre de guadar o fundo mais bonito para usar no topo do bolo. No total teremos 4 massas.
Monte o bolo na mesma forma que assou, colocando um acetado nas laterais para o bolo ficar mais uniforme depois de desenformado.
Coloque uma massa, umedeça com a calda de sua preferencia, em seguida espalhe metade do recheio sem o chocolate sobre a massa e sobre o recheio 4 bombons picados. 


Cubra com outra massa e repita o mesmo processo, finalizando o topo com a massa mais bonita que você reservou.
Cubra com um plástico e leve à geladeira de um dia para o outro para ficar mais firme.
No dia seguinte, retire o bolo da forma, coloque no prato que vai servir e retire o acetato. 


Espalhe uma camada de cobertura sobre todo o bolo e alise com uma espátula.
Decore as laterais com as raspas de chocolate branco.
Coloque o restante do chantilly em um saco de confeitar com bico pitanga e decore o topo do bolo.
Finalize com os bombons cortados ao meio.

(receita comprtilhada de Flamboesa)

30/10/2018

Como testar a quantidade certa de calda no Bolo - Beca Milano



Assistindo o programa Bake Off Brasil, achei interessantíssima essa dica que eu não sabia e nunca tinha lido nada a respeito: para vocês saberem se a camada do bolo está umedecida adequadamente, vocês podem utilizar as costas de uma colher! Simples demais!!!

Após colocar a calda na massa, espere um pouquinho para ela absorver e com as costas de uma colher  pressione levemente a massa.


- Se a colher sair seca, é então que a massa pede mais umidade, então tem que acrescentar mais calda.

 -Se vocês pressionarem a colher e a calda voltar (aparecer por cima da massa),  é sinal que umedeceu demais com calda.

 -Se vocês pressionarem a colher,  não verter a calda e as costas da colher estiver úmida, é porque está correto. A umidade do bolo está OK.

Uma receita simples e a mais comum para calda de bolo é:

Misture 2 xícaras de água com 1 xícara de açúcar



Aqueça a mistura numa panela em fogo médio-alto até ferver. Retire do fogo quando o açúcar se dissolver completamente. Deixe esfriar um pouco. Espalhe uma pequena quantidade da calda sobre a camada do bolo e faça o teste da colher acima.

Outras Caldas:

CALDA DOS 3 LEITES
Pode ser usada em qualquer tipo de bolo ou recheio. Ela é mais rica que a calda anterior e dá cremosidade às massas e pães de ló e dura até 3 dias na geladeira.

INGREDIENTES
½ lata de leite condensado
½ lata de creme de leite
500 ml. de leite

MODO DE PREPARO
Misture todos os ingredientes (não vai ao fogo)

CALDA DE CHOCOLATE ESPECIAL
Essa calda é perfeita para pães de ló de chocolate com recheios variados, especialmente recheios e coberturas de chocolate ao leite, ganache ou nutella. Ela dura até 3 dias na geladeira.

INGREDIENTES
240ml de leite
120g de açúcar refinado
45g de chocolate em pó
15ml de rum (pode substituir por baunilha ou conhaque)

MODO DE PREPARO
Misture todos os ingredientes. (não vai ao fogo)