Google+ Followers

terça-feira, 14 de maio de 2013

Bolo da Fortuna e da Sorte


O Bolo da Fortuna ou Bolo do Padre Pio é muito antigo, mais de século de existência. Às vezes pode ser confundido com o bolo da sorte dos Três Reis Magos, que também leva na mistura frutas cristalizadas.  Dizem que tudo começou com um pedaço de  fermento amassado pelo próprio Padre Pio (capuchinho italiano, que acabou virando santo pelas  curas que fazia). Essa receita foi correndo o mundo e acabou caindo de paraquedas no Brasil, por algum imigrante ou descendente europeu e popularizou-se, principalmente pelo sentido religioso. Então a ideia era uma “corrente” para ir alimentando e compartilhando esse fermento com as pessoas as quais você desejava boa sorte. Com a parte que você ganharia, era feito um bolo com uma fermentação natural ao longo de 3 dias! Depois disso, a preparação do bolo renderia mais 7 dias. Usar batedeira? Nem pensar. Como os ingredientes iniciais são sempre açúcar e farinha, nunca se estragava.
O interessante da receita original é que presenteava-se com um pedaço do fermento à 3 pessoas, a quem queria desejar sorte e fortuna. Tirando a beleza do gesto de doação e do exercício de paciência, é impossível  alguém querer fazer isso hoje em dia. Para tanto, foi adaptada aos tempos atuais onde ninguém quer ficar vigiando o crescimento de um bolo por mais de uma semana, né não? Então prepare esta receita simplificada e se quiser, mantenha a tradição e também presenteie alguém que queira bem!

Obs.: ao final desta receita, colocarei a original do Padre Pio, mais a título de curiosidade do que praticidade.

Ingredientes:
4 ovos
2 xícaras de açúcar
3 xícaras de farinha de trigo
1 1/2 xícaras de leite
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 maçã vermelha, bem picadinha com casca (deixe de molho em água com gotas de limão até na hora de usar, porque escurece. Escorra e coloque na  massa)
1 colher de chá de baunilha
3 colheres de manteiga
1 xícara de nozes picadas
1/2 xícara de passas brancas sem semente
1/2 xícara de passas escuras sem semente
1 pitada de noz moscada
1 pitada de canela em pó
1 pitada de sal
1 colher de sopa/rasa de fermento em pó


Modo de Fazer:
Bata a manteiga com o açúcar e as gemas. Depois de bem batidos, junte o leite, a farinha e a baunilha, misturando bem. Coloque os outros ingredientes.  Por último, coloque as claras em neve. Asse em forma untada e polvilhada com farinha de trigo, em forno brando. Esperar esfriar para desenformar. Salpique açúcar por cima e servir com uma bola de sorvete de creme.



RECEITA ORIGINAL DO BOLO DO PADRE PIO:
(Fonte: Paladares aos Molhos)

Então é assim.

1º dia
Juntar um copo de açucar e um copo de farinha
NÃO MEXER

2º dia - Mexer com uma colher de pau
3º e 4º dia - Não tocar
5º dia - Juntar um copo de açucar, um copo de farinha e um copo de leite - NÃO MEXER

6º dia - Mexer tudo
7º, 8º e 9º dias - Não tocar
10º dia - Tirar para três copos (ou qualquer outro recipiente) 3 colheres de chá de massa para cada copo. Escolhem-se 3 pessoas a quem se deseja fortuna e saúde e oferece-se um copo com o fermento e uma fatia do bolo (que entretanto já se fez).
Ao resto da massa que está na bacia, juntam-se:

2 copos de farinha
1 copo de óleo
um pouco de canela
1 maçã cortada aos pedaços
1 copo de passas de uva
1 copo de açucar
1 copo de nozes
um pouco de sal fino
1 colher de chá de fermento
1 copo de leite
2 ovos inteiros


Mexe-se tudo com uma colher de pau.Untar uma forma com manteiga, polvilhar com farinha e vai ao forno a 180ºC.

Ao contrário do que pensam, quando se junta o leite no 5º dia não estraga, acreditem. Também pensei que estragasse, mas não estraga. É muito trabalho, talvez seja essa a ideia: o exercício da paciência!

24 comentários:

  1. Estava a procura desta receita mas tenho uma dúvida.Posso guardar um pouco de fermento e como conservá-lo!Obrigada pela atenção! Um abraço!
    Dacidalva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo que eu sei, não precisa de conservar na geladeira. Depois de alguns dias, se resolver gelar, pode perder o efeito de crescimento.

      Excluir
    2. Desculpe mas, ainda quero saber se; eu não for dar o restante do fermento,posso guarda-lo por qto tempo em temperatura ambiente ! Depois disto, tenho que adicionar mais algum ingrediente antes de usá-lo ? Obrigada ! Bjsss!

      Excluir
    3. Até no máximo uma semana, depois disso não fica bom

      Excluir
    4. OI PESSOAL,LEMBRO DE MINHA MAE RECEBENDO ESSE LIQUIDO,MAS A GENTE SEMPRE DEIXAVA UMA PORÇÃO PARA ALIMENTAR COM AGUA FARINHA E AÇUCAR,ME PARECE,ALIMENTAR NORMAL E ME DISSERAM NA EPOCA QUE ELE NAO ESTRAGAVA NAO..

      Excluir
    5. Não estraga mesmo... em São Paulo a padaria mais tradicional usa o mesmo fermento há mais de 50 anos...
      Os italianos costumam alimentar e usar o fermento assim ....

      Excluir
  2. Eu conheço esta receita . Fica bom demais! Estava tentando me lembrar como fazia o fermento e encontrei aqui. É uma preciosidade! Obrigada1

    ResponderExcluir
  3. HOJE ENCONTREI FINALMENTE A FINALIZAÇÃO, QUANDO RECEBI MINHA PARTE A RECOMENTAÇÃO ERA ALIMENTAR MINHA PARTE POR 3 DIAS DEPOIS SEPARA EM 4 FAZER MEU BOLO DAR UMA FATIA E A RECEITA E RASGAR A MINHA, ARREPENDIDA:
    1)ACRESCENTAR 1X DE ÁÇUCAR, 1 X TRIGO E 1 X LEITE MORNO, 2) OS MESMOS INGREDIENTES, 3) DIVIDIR E FAZER O BOLO, UM SABOR MARAVILHOSO. HÁ ALGUNS ANOS FIZ O LEVIN SOZINHA, DEPOIS DE PESQUISAR NA , MAS HOJE ACHEI O FINALZINHO QUE FALTAVA
    http://criticozinha.blogspot.com.br/2012/02/bolo-da-fortuna-receita.html#comment-form
    VOCÊS SÃO DEMAIS

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde! Poderia me dizer que quando passo o fermento a oputra pessoa, em que parte ela começa o bolo? Obrigada e parabéns pelosite...fique com Deus.

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pela atenção Margarete! Grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Muito bom ,depois de tanto tempo encontrar a receita .

    ResponderExcluir
  7. Pode ser guardado na geladeira para sempre! Li que o fermento da Bauducco do Brasil tem mais de 60 anos e fica num cofre refrigerado É só alimenta-lo a cada semana ou até de 10 em 10 dias com a mistura de: Farinha: 2× o peso da massa Agua ou leite: metade do peso da massa Açúcar: 2 colheres de sopa

    ResponderExcluir
  8. Já fiz alguns anos atras e realmente traz fartura e fortuna, foi um dos melhores períodos financeiros que tive e o sabor é bom demais, tem gostinho de natal....tudo de bom mesmo!!!

    ResponderExcluir
  9. Adorei reencontrar essa receita!! Tb já fiz há algum tempo atrás e realmente traz fortuna!! Tb foi um dos melhores períodos da minha vida em tudo!! Além de ser gostoso!! Abração

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Ola pessoal! Ha alguns meses atras, recebi. Um pedaco do bolo acompanhado da receita. Incrivel mas realmente me trouxe fortuna. Precisa acreditar de verdade. Alem do bolo ser maravilhoso. Faco a cada 15 dias. Abs

    ResponderExcluir
  13. Eu conhecia dois bolos muito parecidos a este respectivamente com os nomes de bolo dos 10 dias (Húngaro) e Bolo das carmelitas descalças de Sevilha,, gostei de ver como você o faz de uma maneira pratica, vou experimentar fazer desta maneira, e como já costumo fazer o pão de Cristo o dia que fizer este bolo gastando os 10 dias, pela minha experiência em fazer bolos e pães que levam alguns dias, a vantagem maior que vejo que o sabor do mesmo fica mais acentuado

    ResponderExcluir
  14. Quando morava no RJ fiz essa receita ela é muito boa. Mas esqueci uma coisa e essa é minha dúvida: o que a pessoa faz com a parte do fermento que damos para ela? Ela coloca junto com na mistura do 1º dia ou guarda para fazer o seu bolo junto com a sua parte?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com a parte que você doaria, era feito um bolo com uma fermentação natural ao longo de 3 dias!

      Excluir
  15. Anjos do bem que a fortuna e a sabedoria continue os intuíndo
    Gratidão pela receita original

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário: